10 de outubro de 2018 Rogério Minhano

Por um hosteleiro mais digital

Durante todos os anos da minha vida profissional eu busquei maneiras de gerenciar equipes sem ter que necessariamente estar presente no local. Esse é o ponto central nessa série de conteúdos que lançaremos. Como você pode fazer para manter o controle do seu hostel e ainda ter tempo para fazer outros projetos? Estudar piano, aprender a tocar aquele sambinha no pandeiro, meter a mochila nas costas e ir fazer aquela trilha de 3 dias nas montanhas, ir para aquele hostel na praia que seu amigo tem e que está sempre te convidando? É sobre isso que eu estou falando aqui. Estou falando sobre usar a tecnologia que temos disponível hoje para administrar melhor a sua vida sem perder o controle das coisas que são importantes para você ficar seguro. Saber que seu business não está afundando enquanto você curte o mundão. Paz de espírito, sabe? Para fazer acontecer você precisa usar o que você tem: um smartphone e o hqbeds. A internet no seu celular conecta tudo e todos. O middle man, a pessoa que precisaria ser seu fiscal, gerente, ou whatever o nome que você dá para quem faz o seu papel enquanto você está fora da propriedade é o hqbeds. O hq é o seu eu digital.

O conjunto de disciplinas chave que você precisa atuar são os que estão 100% relacionados aos resultados operacionais do hostel enquanto você está fora. São eles: preços, ocupação, controle de turnos, dinheiro na recepção, entrada e saída de estoque, venda de reservas e comunicação com a sua staff. Estamos falando aqui de 7 coisas que você precisa se tornar mestre e isso só é alcançado quando algumas pequenas tarefas viram hábitos na sua vida. Em resumo, faça um bom trabalho de campo, dentro do hostel, e acompanhe os resultados a partir do seu celular. Envie comandos, mude preços, trabalhe sua ocupação. Seja presente digitalmente e faça a roda girar. Nos próximos textos vou abordar cada um desses itens e te mostrar como você pode chegar mais próximo daquela vida de empreendedor que você sonhou inicialmente. Ela pode ser daquele jeito, acredite.

Desde que eu comecei a escrever esses textos sobre administração de propriedades vira e mexe me pego pensando se isso é correto ou não é. Se cabe a mim, como empreendedor de primeira viagem, dar dicas para outros empresários, muitas vezes até há mais tempo na estrada do que eu. O que eu conto nos textos pode mesmo ajudar os outros a terem melhores resultados? Não porque eu ache especial o jeito que nós fizemos no Café Hostel, mas sim porque eu acredito que para quem está enfrentando os mesmos problemas agora, uma nova opinião é de grande ajuda. Você pode pegar uns pedacinhos e somar à sua estratégia, pode usar 100% ou então você pode também chegar a conclusão de que seu jogo já é melhor do que o que fazíamos e pronto. Tudo certo. Compartilhar experiências é a chave do negócio, na frente e atrás do balcão da recepção.

About the Author

Rogério Minhano
Rogério Minhano Empreendedor, viajante, programador, sócio do Café Hostel e co-fundador da hqbeds. Nada melhor que uma boa conversa e uma cerveja gelada.

Comments (2)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × quatro =